Confiança da indústria sobe para o maior nível desde 2014

Postado em 28/mar/2017


Indicador divulgado pela Fundação Getúlio Vargas é uma prévia do número oficial. Dado preliminar sinaliza quadro positivo em março

As condições do setor industrial estão cada vez melhores. Dados coletados pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) mostram os empresários mais otimistas com a economia e com o futuro. A prévia do indicador de confiança, divulgado nesta quinta-feira (23), chegou ao maior nível desde maio de 2014.

O levantamento da FGV é a prévia do Índice de Confiança da Indústria (ICI). Em março, esse termômetro chegou aos 90,7 pontos e, quanto maior essa pontuação, melhor as condições dos industriais. Ou seja, maior a chance de investimentos e contratações.

Para chegar ao número final do indicador, a FGV faz uma ponderação entre outros dois índices. O que mede a percepção em relação à situação atual, subiu 2,5 pontos no mês e chegou a 88,9 pontos; o que mede as expectativas para o futuro, aumentou 3,4 pontos e foi 92,7 pontos.

Indústria em operação

A pesquisa mostrou, ainda, que houve uma melhora no nível de utilização da capacidade instalada, que é o quanto da capacidade das fábricas foi usado no mês. Em março, a indústria usou 74,5% da sua capacidade. Isso, na prática, significa um ritmo maior de produção.

Fonte: Portal Brasil, com informações da FGV


SERVIÇOS ON-LINE PARA O SERVIDOR


Consultar Matrícula Contracheque Cedúla C (Comprovante
de Rendimentos)
Dados Cadastrais
       
   
Primeiro Acesso Webmail    
       
X Fechar